Auxílio-doença: Agendamento e Requisitos [AQUI]

O auxílio-doença é um benefício concedido pelo INSS para os trabalhadores que ficaram incapacitado para o seu trabalho ou atividade habitual vivo desde que cumprido uma série de requisitos.

Nesse texto vamos abordar Quais são os principais requisitos para concessão do auxílio-doença pela Previdência Social, além de ajudar o segurado os principais problemas encontrados ao tentar agendar seu pedido de benefício

Porta se destacar que muitas vezes, principal, o segurado do INSS tem seu benefício indevidamente indeferido devido à tentativa de cortes feito pelo Governo Federal, também analisaremos este problema no texto.

O agendamento é feito através do site do INSS.

Antes de começar, qualquer dúvida sobre os benefícios do INSS podem ser tirados no posto de atendimento da Previdência Social mais perto de você, ou ligando 135.

auxilio-doença-medico-requisito

O que é o auxílio-doença?

Como dito anteriormente o auxílio-doença é um concedido pela previdência social para os trabalhadores que contribui para o INSS e por algum motivo não não consegue mais trabalhar.

Destaca-se que não é um benefício é eterno, servindo unicamente com propósito de ajudar aqueles que não conseguem trabalhar de forma alguma .

É analisado no segurado sua capacidade Econômica, sua capacidade intelectual e outros fatores.

Está previsto do artigo 59 a 64 da lei 8213, e tem a renda mensal, ou seja o benefício de 91% do salário de benefício.

O auxílio-doença um aposentado por invalidez A diferença é que o primeiro se trata de apenas de uma incapacidade temporária, e no segundo de uma incapacidade permanente.

O auxílio-doença cessará dois casos, a primeira é quando cessar a incapacidade para o trabalho, comprovação por perícia médica do INSS a segunda é o dia em que o benefício foi convertido em aposentadoria por invalidez ou auxílio-doença. O que ocorre quando se der a consolidação das lesões que reduzem a capacidade para o trabalho habitualmente exercido.

auxilio_doenca

Requisitos para o auxílio-doença

Como dito anteriormente o auxílio-doença tem uma série de requisitos que devem ser cumpridos para sua concessão.

O primeiro deles é a carência ou seja o período em que o segurado INSS deve contribuir para o mesmo antes de requerer o benefício. Na maioria dos casos são 12 contribuições antes de poder requerer o benefício porém em alguns casos como doenças profissionais e do trabalho(como fazer, perda de vida pelo ruído e outros), não são necessários o tempo de carência.

Após requerido o auxílio-doença o segurado do INSS deve realizar perícia junto ao órgão, porém em muitos casos o mesmo é indeferido indevidamente, nesses casos caberá recurso administrativo junto ao mesmo, visando a concessão do benefício.

Infelizmente mesmo com recurso, muitos benefícios são indeferidos erroneamente, nesses casos recomenda-se que procure à defensoria pública ou um advogado previdenciarista para ingressar com ação judicial contra a Previdência Social, para ter o seu benefício concedido

Em alguns casos quando o segurado requer judicialmente aposentadoria por invalidez vídeo o mesmo pode ser convertido auxílio-acidente conclui pela inexistência de incapacidade total e permanente no trabalhador.

auxilio_doença_agendamento

Se há dúvidas se o segurado possui ou não direito ao benefício, posto de atendimento mais perto do INSS e verificar o mesmo. Importante destacar que muitas vezes o INSS não quer conceder o benefício mesmo quando o trabalhador não consegue realizar suas atividades.

Destaca-se também que o segurado do INSS após a concessão do benefício, tem, sentimento de sua idade e sob pena de suspensão do benefício, de ir periodicamente a Previdência Social e submeter-se exames médicos para testar sua incapacidade.

Obviamente também deve-se comprovar que existe uma doença que impede o trabalhador de exercer qualquer atividade ao seu alcance e de viver normalmente, sendo comprovado através de perícia médica ou fisioterapêutica. O seu médico é a melhor pessoa para dizer se você pode ou não realizar determinada atividade, esse laudo médico é confirmado pelo perito do INSS

Como agendar o auxílio-doença pelo INSS?

Para agendar o auxílio-doença é bastante basta entrar no site do https://meu.inss.gov.br/central/index.html e se cadastrar junto ao órgão.

Após entraram os seus dados basta colocar o código verificador presente na caixa colorida.

Caso tenha mais dúvidas basta clicar aqui e sentir o nosso guia passo-a-passo de como para todos os benefícios concedidos pelo site.

INSS-Auxilio-doença

Dúvidas sobre o auxílio-doença

Quando eu sei que preciso de auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez?

No auxílio-doença sua incapacidade de trabalhar é temporária, como exemplo de uma perna ou braço. Aposentadoria por invalidez se trata de doença que não há previsão de cura.

O meu médico disse que eu não tenho capacidade para trabalhar mas o INSS negou a perícia.

Neste caso pode-se entrar com recurso administrativo junto ao INSS, e requerer uma revisão do seu pedido de benefício. Se mesmo assim o seu benefício foi indeferido, o recomendável é que se procura a Defensoria Pública ou um advogado especialista na área, para ingressar com ação judicial contra a Previdência Social e ter o seu benefício concedido.

Fui chamado pelo INSS para uma perícia no pente fino, o que acontecerá?

Infelizmente a previdência social para reduzir custos vem procurando indeferir vários pedidos de benefícios junto à Previdência, nos últimos meses foram convocados centenas de milhares de trabalhadores que gozam do benefício de auxílio-doença para reaver o seu pedido.

Se o INSS indeferir o seu pedido indevidamente, deve-se a Defensoria Pública e ver os seus direitos garantidos. Não é aceitável que um país em que entre em crise por culpa de seus governantes, desconto nos seus Trabalhadores.

Possuo outra dúvida que não foi descrita aqui

Caso sua dúvida não esteja presente no nosso texto, deve-se entrar em contato diretamente com o INSS pelo telefone 135 ou se dirigindo pessoalmente até um posto de atendimento da Previdência Social

Você também pode deixar um comentário em nosso site ou enviar um e-mail de contato, clicando na parte superior do nosso site.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *